Devocionais publicadas nos boletins informativos semanais

Com o tempo escasso e dias parecendo mais curtos do que realmente são, parece ser cada vez mais difícil encontrar um tempo para se fazer algo que sempre foi considerado tanto fundamental como uma característica das pessoas que seguem a Jesus: estar com Ele a sós em oração, leitura e meditação nas Escrituras.

Nos retiros de nossa igreja temos separado um período pela manhã que chamamos “A Sós com o Senhor”. Nele temos a oportunidade de exercitar esta prática cristã tão essencial a uma espiritualidade verdadeira e saudável. É um intervalo de 25 a 30 minutos onde paramos o que estamos fazendo e nos dedicamos a estar só com Ele. Não é um exercício difícil, mas deve começar pela resposta a uma pergunta que, embora não esteja textualmente na Bíblia, não é difícil perceber o Senhor a fazê-la pelas páginas sagradas:

“Eu estou com você. Você deseja estar comigo?”

Se a sua resposta é positiva e sincera, deixo aqui para você as instruções que usamos em nossos retiros. Elas são aplicáveis ao nosso dia-a-dia, e não apenas para lá. Inicie escolhendo de qual período do dia você vai separar os minutos do seu encontro pessoal com o Senhor. Tendo decidido, siga as seguintes etapas:

  • Tenha consigo a Bíblia e um breve texto escolhido para aquele momento. Comece com passagens bem curtas, com 2 ou 3 versículos. Há diversas opções na internet.
  • Comece esse seu momento encontrando um lugar sossegado onde possa sentar-se confortavelmente, sem nada para lhe interromper.
  • Use 2 ou 3 minutos para, de olhos fechados, perceber o que está à sua volta: sinta o calor do sol em sua pele, ouça os diversos sons (procure distinguir quais são da natureza e quais são das pessoas), respire profundamente e sinta o ar enchendo seus pulmões e os aromas ao redor (tente descobrir ou descrevê-los mentalmente). Em uma breve oração, agradeça a Deus por essas sensações. Elas são parte do presente da vida saudável que Ele lhe deu.
  • Leia pausadamente o texto bíblico do dia. Repita isso algumas vezes (pelo menos 3), de maneira que ele fique quase decorado.
  • Pense qual parte do texto é mais significativa para você e faça, mentalmente, as seguintes perguntas (e procure respondê-las):
    • “Porque essa parte me tocou especialmente?”
    • “Que atitude Deus parece querer provocar em mim com esse recado?”
  • Ore sobre o assunto pensado, “respondendo” a Ele sobre o que Ele lhe falou.
  • Use o restante do tempo para acrescentar os demais assuntos que você tem desejo de conversar com Deus.

Rev. Alex Barbosa - Pastor Efetivo da IPB Grajaú

CC-BY-SA 2014 - Igreja Presbiteriana do Grajaú - Conteúdo publicado sob CREATIVE COMMONS